Todos os posts do mês outubro, 2016

Homeopatia para peixes

O tratamento homeopático vem ganhando espaço do combate à doenças dos animais. Esse tipo de tratamento funciona não só com nossos cães e gatos, mas também pode ser muito eficiente com os peixes. Para o aquarista é difícil separar um peixe doente dos demais, a homeopatia para peixes é uma ótima solução, onde possibilita o […]






O tratamento homeopático vem ganhando espaço do combate à doenças dos animais. Esse tipo de tratamento funciona não só com nossos cães e gatos, mas também pode ser muito eficiente com os peixes.

Para o aquarista é difícil separar um peixe doente dos demais, a homeopatia para peixes é uma ótima solução, onde possibilita o tratamento no aquário comunitário. Assim, evita-se que o equilíbrio biológico do aquário seja destruído por outros tipos de medicamentos.

A homeopatia para esses casos tem obtido resultados satisfatórios e se mostrado eficaz no tratamento de peixes ornamentais. É capaz de curar doenças bacterianas, virais e fúngicas, assim como eliminar diversos parasitos (como os cestódeos, nematódeos, trematódeos monogêneos e digêneos, anelídeos sanguessugas, protozoários e crustáceos).

O medicamento homeopático interrompe o ciclo de vida dos parasitos, preparado com amostras dos próprios agentes patológicos, que recebem o nome de nosódio ou bioterápico. Também reduz gradativamente a postura de ovos e a recontaminação dos parasitos presentes no interior do organismo, os chamados endoparasitos. Já nos ectoparasitos, que vivem sobre a pele, nas brânquias e em estruturas externas dos peixes e outros animais aquáticos, o medicamento específico produz a absorção gradual das formas jovens encistadas, tornando-as frágeis e sensíveis, facilmente combatidas pelo sistema imunológico do peixe.

O sistema terapêutico com medicamentos naturais ajuda a restabelecer a saúde no aquário. Na Arenales Homeopatianimal® você encontra produtos homeopáticos específicos para esse tratamento, sempre com a qualidade garantida pela Arenales, com produtos naturais e livres de efeitos colaterais.

homeopatia para animais

Fator Estresse Aquicultura Fator Fértil Aquicultura Fator Infecções Aquicultura Fator Endecto Peixes Ornamentais Fator Infecções Peixes Ornamentais Fator Pró Digestão Peixes Ornamentais

Giardíase em Gatos – O que é e como tratar

A giardíase é uma doença provocada pelo protozoário Giardia spp. Esse protozoário habita naturalmente o trato intestinal dos seres humanos e da maioria dos animais domésticos. Essa doença é considerada uma zoonose e por isso precisa ter uma atenção especial no manuseio das fezes, limpeza do ambiente e das mãos. A giardíase em gatos tem […]






A giardíase é uma doença provocada pelo protozoário Giardia spp. Esse protozoário habita naturalmente o trato intestinal dos seres humanos e da maioria dos animais domésticos.

Essa doença é considerada uma zoonose e por isso precisa ter uma atenção especial no manuseio das fezes, limpeza do ambiente e das mãos.

A giardíase em gatos tem caráter grave em filhotes e gatos jovens, pois se observa uma forte desidratação, letargia e perda de apetite. Os filhotes podem apresentar casos de diarréia aguda logo após a infecção. Em gatos adultos, os casos de diarréia acontecem, porém em curta duração, intermitentes e crônicos.

Vale a pena ressaltar que a maioria dos animais que apresentam cistos da Giárdia são assintomáticos, ou seja, não apresentam manifestações clínicas da doença.

giardise em gatos

Como é transmitida a Giardíase?

Essa doença é transmitida através do contato oral-fecal, ou seja, o gato infectado teve contato com os cistos que estavam presentes nas fezes de outro animal.

O contato com água, objetos e alimentos infectados também transmitem a doença. Gatos mais jovens ou com alguma deficiência imunitária podem apresentar maiores chances de contrair a giardíase.

Formas de prevenção

Higiene do ambiente onde os gatos vivem. Os cistos da giárdia são muito sensíveis ao ressecamento e à maioria dos produtos desinfetantes. O FATOR DIPROTO ZOO® da Arenales Homeopatianimal, também pode ser fornecido de forma preventiva.

Como tratar o gato infectado por giardíase?

O tratamento deve ser prescrito a todos os animais do ambiente, pois gatos assintomáticos podem liberar os cistos da giárdia e infectar o ambiente. O prognóstico de cura dessa doença é satisfatório, desde que os cistos não permaneçam no ambiente, o que causaria a reinfecção dos animais.

Na Arenales Homeopatianimal você encontra o FATOR DIPROTO ZOO®, um medicamento homeopático complementar que auxilia no tratamento da giardíase. Esse medicamento atua na diminuição da proliferação celular do parasita, promovendo a descontaminação do ambiente.

Lembrando sempre, que os animais devem ser sempre acompanhados e orientados por um (a) Médico (a) Veterinário (a).