Todos os posts do mês setembro, 2018

Agressividade entre os peixes: Como reduzi-la

Todo criador de peixe sente a necessidade de trazer novos amiguinhos para compor o aquário. Portanto, deve-se atentar quanto ao histórico dos novos peixes uma vez que há espécies que antes habitava um ambiente mais agitado agora precisa se habituar em um viveiro mais calmo. Para isso, separamos algumas dicas que vai te ajudar na […]






agressividade entre os peixes

Todo criador de peixe sente a necessidade de trazer novos amiguinhos para compor o aquário. Portanto, deve-se atentar quanto ao histórico dos novos peixes uma vez que há espécies que antes habitava um ambiente mais agitado agora precisa se habituar em um viveiro mais calmo. Para isso, separamos algumas dicas que vai te ajudar na hora da chegada do novo inquilino de forma a tornar a receptividade mais harmoniosa e assim reduzir a agressividade entre os peixes

Comportamento

Como já dito, é preciso se atentar quanto a origem do novo inquilino. Assim, recomendamos que leia sobre o seu novo peixe e verifique se a espécie dele é mais agressiva, com isso evite juntar em um mesmo aquário duas espécies afrontosas demais.

O habitat

O lugar onde o seu peixe vai viver é bem importante. Tente sempre manter o aquário limpo, pois além de ser bom para a sua saúde, ajuda a melhorar o comportamento dos peixes. Há um post no blog que fala sobre como fazer a manutenção do aquário

Espaço

Quanto mais espaço melhor! Não fique ansioso querendo colocar vários peixes em um mesmo aquário se ele é pequeno demais. Superlotar o aquário é furada, não ajudará nada a diminuir a agressividade deles. Caso contrário recomendamos que você substitua o aquário por um maior.

Esconderijos

Um aquário muito aberto pode intimidar a convivência dos peixes, para isso invista em esconderijos como cavernas nas rochas. Assim, seu novo peixinho terá muitos lugares para ir sem deixar seu dia estressante.

Alimente-os

Se você está trazendo um novo inquilino e não sabe como os antigos peixes irão reagir, alimente-os! Isso mesmo, alimentar os peixes antes de adicionar os novos irá ajudar a diminuir a agressividade destes.

Iluminação

A ideia da iluminação é parecida com a ideia de alimentar os peixes. Serve como mais um truque para acalmar os antigos habitantes. Na hora de colocar os novos moradores apague as luzes e logo em seguida ligue. Eles nem vão perceber a mudança pois não viu você colocando e não precisarão se estressar com isso.

Viram que os peixes podem ser bem exigentes não é mesmo? Apesar de parecer bobeira muita gente não se atenta e acaba ignorando a qualidade de uma boa convivência. Estresse não é saudável para seu peixe!

Agora acesse loja.arenales.com.br, conheça e saiba como comprar nossos produtos homeopáticos para peixes ornamentais e deixá-los mais saudáveis. Quem ama, trata com Arenales!

Adestrar seu cachorro: comandos básicos

Muitos sonham que seus animais de estimação sigam as ordens do dono não é mesmo? Adestrar um cachorro de forma amadora pode parecer uma tarefa difícil, ainda mais quem não faz ideia de como começar a treinar o pet. Precisa de muita paciência e dedicação durante o processo. É substancial que você tenha em mente […]






adestrar seu cachorro

Muitos sonham que seus animais de estimação sigam as ordens do dono não é mesmo? Adestrar um cachorro de forma amadora pode parecer uma tarefa difícil, ainda mais quem não faz ideia de como começar a treinar o pet.

Precisa de muita paciência e dedicação durante o processo. É substancial que você tenha em mente como funciona a mente do seu cachorro, uma vez que existem raças muito fáceis de adestrar como também existem raças que pode acabar tirando sua paciência. Por isso mantenha a calma e tente não sair dos trilhos na hora de adestrar o seu cachorro!

Separamos alguns truques e dicas que vai te ajudar na hora te adestrar seu cão.

dar a pata

Ensine-o a dar a patinha

Sem dúvidas todo mundo que vai começar a treinar o cachorrinho tem a intenção de ensiná-lo a dar a patinha. É fácil se feito com frequência. Segure um petisco e dê a mão ao seu cachorro (de preferência a mão diferente do petisco). Em algum momento ele vai colocar a pata na sua mão. É nesse momento que você vai entregar a recompensa e fazer carinho.

Não esqueça de dizer o comando, como “dê a pata” ou outra forma que você preferir.

Ensine-o a marcar território

A coisa mais desagradável é ver as necessidades do seu animalzinho em todo canto da casa por falta de disciplina. É necessário, portanto, que comece a criar o hábito de colocar jornais e sempre levar o cachorro para lá.

Esse truque demanda um pouco mais de tempo, não pense que do dia para a noite o seu cachorro vai entender que ali é o “banheiro” dele. Também é importante reparar a que momento do dia seu animal sente mais vontade de se aliviar, assim, toda vez que ele fizer suas necessidades em um lugar inapropriado, repreenda-o no momento do ato!

Ensine-o a rolar

Antes de ensiná-lo a rolar no chão é preciso treiná-lo para que ele deite. Funcionará quase da mesma forma como dar a pata. Pegue um petisco e vá abaixando a mão até o momento que o cachorro se deitar. Logo em seguida dê o petisco para ele entender que atingiu o objetivo que você queria.

Para fazê-lo rolar, repita o comando anterior e depois leve o petisco para trás do rosto e vai fazendo um círculo. Ele vai ficar curioso e acompanhar sua mão, assim ele irá rolar!

Ensine-o a sentar

Fazer o seu cachorro sentar deve surgir de forma natural! No momento que você ver ele sentando elogie-o. É o mais básico e com isso não é complicado. Pegue um petisco e levante para que o cachorro visualize, em seguida vai abaixando a mão até o cachorro sentar.

Esse comando deve ser feito com frequência e a recompensa precisa ser dada no momento que o seu pet senta. Com isso use uma palavra para que ele associe, como “SENTA”

Dicas:

Como visto, as recompensas são importantíssimas no processo de adestramento. O cachorro irá associar isso como algo bom e sempre irá seguir o seu comando.

Outra dica importante é nunca deixar o cãozinho ficar entediado, tente sempre equilibrar o treinamento. Reserve 15 minutos do dia para se dedicar ao treino.

Também é imprescindível que durante o procedimento você não bata nele. Cachorros precisam da confiança com o dono, então seja sempre amigável e repreenda-o apenas nas horas que ele não seguir o comando. Quando fizer algo errado apenas diga “NÃO” de forma autoritária mostrando que é você quem manda.

Gostaram dos truques? Adestrar seu cachorro não é tão complicado quanto parece. Conte para gente se você já usou algum comando desse post.

5 dicas de cuidados com o pássaro que você precisa saber

Não são somente gatos e cachorros que se tornam bons animais de estimação. Apesar de serem mais comuns, as aves também se encaixam nesse perfil. Cuidados com o pássaro é fundamental! Não pense que é fácil escolher um pássaro, colocá-lo em uma gaiola e dar uma visitinha uma vez ou outra. As aves domésticas precisam de […]






cuidados com o pássaro

Não são somente gatos e cachorros que se tornam bons animais de estimação. Apesar de serem mais comuns, as aves também se encaixam nesse perfil. Cuidados com o pássaro é fundamental! Não pense que é fácil escolher um pássaro, colocá-lo em uma gaiola e dar uma visitinha uma vez ou outra. As aves domésticas precisam de certos apelos que muitas vezes, você, que está pretendo adquirir um novo amigo com asas ainda não sabe!

Separamos algumas dicas importantes para saber se realmente está preparado, e caso ainda não esteja, depois desse post você estará bem confiante!

A escolha:

Conheça qual a espécie/raça você está pretendendo levar para casa. Isso porque existem infinitas raças que podem ser listadas como mais exigentes tendo um temperamento nada legal. Pesquise muito, converse com o vendedor e veja se você está apto para arcar com suas despesas. Caso você seja novato nesse novo mundo, recomendamos que escolha aves mais conhecidas para serem domesticadas como as calopsitas, papagaios ou periquitos.

Abrigo:

Se você está querendo trazer duas aves de uma vez, cuidado! Como já dito antes, conheça a espécie. Deixar em contato dois pássaros que ainda não se conhecem, pode ser complicado, por isso tenha em mente uma gaiola adequada. Recomendamos que você compre uma gaiola que dê a possibilidade da ave poder abrir suas asas independente do canto que ela tiver, para que assim ela não se sinta limitada.

Certifique-se do lugar em que essa gaiola será colocada! As aves requerem muito cuidado devido à temperatura.  Dependendo da região que você mora a espécie que está trazendo tem uma origem de clima totalmente diferente do seu. Devido a isso, faça com que sua ave se sinta o máximo confortável em seu habitat.

Transporte:

Na hora de trazer sua nova amiga, tenha em mente uma gaiola adequada para o transporte. Além disso, recomenda-se que jogue uma toalha sobre a gaiola para dar privacidade a ela. Durante o percurso, para evitar que fique balançando segure-a firme.

E não esqueça de ver se sua ave está respirando, deixe sempre uma fresta de ar para ela poder respirar!

Alimentação:

A quantidade de alimento varia de espécie para espécie, o mesmo serve para o tipo de alimento. Não vá imaginando que todas as aves se alimentam da mesma comida. Portanto, pesquise sobre as preferências que sua ave requer. Uma vez ou outra é legal levar frutas ou vegetais que você come a ela pois é muito saudável.

Estímulo:

Ficar em uma gaiola a maior parte do tempo pode ser entediante. Por isso, torne a rotina de sua ave mais interessante e estimulante! Coloque diversos brinquedos e varie sempre. Isso ajudará muito a se livrar do tédio.

Higiene e saúde:

E sem dúvidas a mais importante e vital dica para sua ave! Limpe a gaiola de seu pássaro frequentemente, apare suas penas, jamais deixe as vasilhas de comida embaixo de galhos pois elas podem defecar em cima e ser nada agradável. Também, recomendamos que você use alguns jornais velhos no fundo da gaiola para facilitar a limpeza. Visitas a um (a) Médico (a) Veterinário (a) especialista em aves é de suma importância.

Produtos essenciais para cuidar da vida do seu novo animalzinho você encontra na nossa loja Arenales!

Gostou? E agora? Está mais confiante para trazer o novo membro da família? Conte para gente!